Mad Max

Mad Max e a Estrada da Fúria

Mad Max A Estrada da FúriaEm mais um filme dessa franquia inicialmente estrelada por Mel Gibson, continuamos a ver acontecimentos pos-apocalipticos.

Uma história em que conta sobre o mundo após uma guerra termonuclear. Que fez com que ficasse ainda mais difícil de viver, já que os recursos restantes foram contaminados por substâncias nocivas, fazendo com que os próprios para consumo, ficassem cada vez mais raros.

Mas não só os recursos ficaram de ser encontrados, mas antigos valores da sociedade também.  A plenitude moral fora substituída por regras cheias de impavidez moral. Chegando ao ponto de usar máquinas programadas para destruir toda e qualquer coisa pelo motivo de demonstrar poder e capacidade.

Mad Max: A Estrada da Fúria reformula o papel principal no rosto cinzento de Tom Hardy (de Lendas do Crime e Taboo). Fazendo com que as apostas na produção, aumentassem.

O filme está ambientado num futuro próximo. Não há cidades ou civilizações deixadas. A paisagem está morrendo de sede, assim como as pessoas que vivem com o racionamento de agua potável.

Max Rockatansky é um dos sobreviventes.  Uma vez que é capturado e levado à servidão na Citadela. Cercado com torres de rock, esta é a fortaleza do deserto de Immortan Joe (Hugh Keays-Byrne), uma figura monstruosa que o domina sobre um enxame de desgraçados irregulares.

A figura má tem uma pele que se assemelha a de um sao, e é enjaulada em um peitoral transparente. Ele respira através de uma máscara que está armada com grandes dentes amarelados. É uma figura de autoridade um tanto quanto idolatrada.

Uma figura de grande importancia no enredo que é a Imperatriz Furiosa (vivida por Charlize Theron, de Branca de Neve e o Caçador). Que acaba piorando o nivel de fúria de Immortan Joe.

Já que decidiu elaborar e colocar em prática um plano para livrar seu harém de esposas, do malfeitor. Traindo assim seu comandante, ao tirar de seu controle as mais cinco belas e férteis mulheres. Que são aprisionadas para que sirvam ao Immortal Joe e tenha seus filhos. O que se pode esperar é um grande confronto que poderá começar a qualuqer momento.

Mad Max é um bom filme. Repleto de elementos assim como seria num jogo feito com base na franquia. Com combates violentos, perseguições que causam muito levantamento de areia, batalhas entres veículos num mundo verdadeiramente sombrio. Recheado de ação.

Uma história autônoma sem conexão forte com nenhum dos quatro filmes, Mad Max abre com o personagem principal titular que faz com que uma motosserra entre no crânio de um líder do grupo local Scabrous Scrotus. Assim começa a eletrizante história. O filme fala sobre a resiliência feminina, além de tudo. Como se o enredo dissesse o suficiente com quase nenhuma palavra. Distribuido pela Village Roadshow Pictures.

Trailer: